cursoalimentosgrande

Curso oferece formação em controle preventivo em alimentos para consumo humano

O Instituto Interamericano de Cooperação para Agricultura (IICA) promoveu, de 18 a 20 de julho, o “Curso de Formação de Indivíduos Qualificados em Controles Preventivos em Alimentos para Consumo Humano”, no âmbito do Projeto (PI) Competitividade e Sustentabilidade das Cadeias Agrícolas.

O curso, desenvolvido pela Aliança de Controles Preventivos de Inocuidade de Alimentos (FSPCA), foi direcionado para técnicos de empresas que exportam produtos derivados de leite, pescado e alimentos processados para os Estados Unidos (EUA).

Dois especialistas internacionais em Sanidade Agropecuária e Inocuidade dos Alimentos do IICA foram os instrutores do treinamento, Horrys Friaça (IICA EUA) e Jaime Romero (IICA Peru).

cursoalimentospequenoA capacitação abordou os principais temas relativos a normas e ao regulamento sobre controles preventivos em alimentos para humanos da Food and Drug Administration (FDA) dos EUA. Segundo este regulamento, as responsabilidades de um “Indivíduo Qualificado em Controles Preventivos” incluem conduzir ou supervisionar: 1) Preparação do plano de segurança alimentar; 2) Validação de controles preventivos; 3) Exame de registros; e 4) Uma nova análise do plano de segurança alimentar.

Ângela Pellegrino Missaglia, consultora do Sindirações, participou do curso e destaca sua importância no esclarecimento das particularidades do Food Safety Modernization Act (FSMA). O FSMA foi um ato assinado em 2011 pelo então presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, que alterou amplamente as leis de segurança alimentar do país. “Pudemos entender como o governo norte-americano planejou as novas exigências e todo o sistema. Além disso, o curso ajudou na compreensão das necessidades da cadeia produtiva de alimentos”, aponta Ângela.

Outro aluno do curso, Carlos Alberto Cabral Jr., da empresa de laticínios Ourolac, contou que a empresa com sede em Rio Verde (GO) deve começar a exportar para os EUA em breve. “O curso trouxe abordagens eficientes e inovadoras de todas as práticas necessárias para a exportação aos EUA, então agora vamos trabalhar para implantá-las”, disse.

Os participantes obtiveram informações e executaram tarefas para a compreensão de requisitos regulamentares sobre controles preventivos em alimentos para consumo humano, em temas como perigos biológicos e inocuidade dos alimentos, perigos químicos, físicos e economicamente motivados de inocuidade dos alimentos.

As apostilas utilizadas no curso estão disponíveis para download gratuito no site do IICA, nos idiomas:
Espanhol
Inglês